sábado, 12 de abril de 2014

ViaBahia: CCJ participa de Audiência Pública



Foi realizada no dia 11 de abril (sexta-feira), uma Audiência Pública promovida pela Câmara de Vereadores e Consercionária ViaBahia, com o objetivo de discutir a duplicação da Rodovia Santos Dumont – BR 116, trecho entre o Km 632 e o Km 674 (Entroncamento de Jaguaquara ao limite do bairro do Km 4, em Jequié).
Estiveram presentes na audiência o Diretor-Presidente da ViaBahia, José Carlos Navas; a Diretora da Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT), Natália Marcassa representantes o Ministro César Borges; o Deputado Federal Roberto Britto, o Deputado Estadual Euclides Fernandes, a Prefeita Tânia Britto, vereadores de Jequié e Jaguaquara, o presidente do Conselho Comunitário de Jequié (CCJ), Dickson Magno e outros representantes da sociedade civil organizada.
Na audiência, a ViaBahia demostrou com detalhes como serão as obras de duplicação da rodovia entre Jequié e Jaguaquara. Além do serviço de duplicação, a Via Bahia realizará também a construção de quatro viadutos em desnível em Jequié e de passarelas para pedestres em pontos estratégicos, onde existam escolas. A iluminação e a sinalização também serão ampliadas e modernizadas. A maioria desses melhoramentos deverão ser feitos nos trechos da Cidade Nova, KM 4 e trevo de Jequié.
O Diretor-Presidente José Carlos Navas disse que a duplicação facilita  a acessibilidade para os munícipes e tem como fundamental papel propiciar mais segurança a quem trafega na estrada. Cerca de 75% dos veículos que circulam na BR 116 são caminhões. "Numa pista simples, como é a BR 116 nas condições atuais, é comum acontecer o trafego pesado. A impaciência dos condutores que realizam ultrapassagens perigosas pode gerar colisão frontal e, ocasionalmente, mortes. Numa rodovia duplicada esse tipo de acidente é eliminado totalmente", esclarece.

O Presidente do CCJ, Dickson Magno, reforçou a importância da duplicação da rodovia que é um anseio antigo não só da classe política, mas, de toda sociedade. “A duplicação será a porta para o desenvolvimento da região, além de melhorar a infraestrutura da rodovia, vai colaborar no escoamento da produção de toda a região, ressaltou.