quinta-feira, 31 de julho de 2014

Dentista de menina que morreu engasgada está em estado de choque

(Foto: Ubaitaba Urgente)
"Foi uma fatalidade. Isso poderia acontecer com qualquer profissional da área", lamenta a secretária de Saúde do município de Ubaitaba, Yolanda Soares Carneiro. Em entrevista aoCorreio24horas, ela comentou o caso que chocou a cidade na terça-feira (29), quando umamenina de 4 anos morreu após se engasgar com um dente durante uma extração.
Segundo a Polícia Militar de Ubaitaba, onde aconteceu o caso, a menina ficou sufocada e sofreu duas paradas cardíacas, morrendo após a segunda. Durante a operação, a garota estava acompanhada por um responsável. 
A dentista deixou um dente que era extraído escapar do alicate e ele caiu na garganta da menina. O médico e sua assistente, que é socorrista do Samu, ainda tentaram fazer a menina desengasgar, mas não conseguiram e a encaminharam para o hospital de Ubaitaba.

"Geralmente quando a criança engole um dente, ele vai para o esôfago. Neste caso, foi para a traqueia. Foi um procedimento tão comum e aconteceu algo que ela não esperava", comenta a secretária Yolanda. "Ela [a dentista] está muito abalada, em estado de choque. Só faz chorar. Como ela está grávida de três meses, estamos dando um tempo até que ela melhore antes de ouvi-la sobre o caso". 
O corpo da criança foi enterrado na quarta-feira (30), sem passar por uma necrópsia. Na manhã de hoje, a mãe da menina foi ouvida na delegacia de Ubaitaba. Segundo informações da Polícia Civil, a dentista e outras testemunhas devem prestar depoimento nos próximos dias. Além da Secretaria de Saúde de Ubaitaba, o conselho de odontologia da região também investiga o caso. 
A PM não revelou a identidade da vítima. Em entrevista ao site local Ubaitaba Agora, uma amiga da família relatou que a menina não queria ir ao consultório da dentista: "Parece até que a garotinha estava prevendo alguma coisa, ela saiu de casa chorando e chorou muito ao entrar na sala da dentista”, disse. Informações Correio da Bahia.