RAMON FERNANDES APRESENTA SUGESTÕES AO PREFEITO ZÉ COCÁ DURANTE VISITA AOS BAIRROS KM 3 E KM 4

Visite nosso Instagram

terça-feira, 20 de agosto de 2019

Radialista cobra da justiça agilidade no julgamento do acusado Leonardo Almeida Menezes



Hoje, (20.ago.2019) completa um ano da morte de Joeliton Barbosa Santana, irmão do radialista Cássio Santana (Caca Santana). Segundo o radialista o irmão Joeliton dirigia uma moto na Avenida Tote Lomanto, na noite de 20 de agosto de 2018, quando um veículo dirigido por Leonardo Almeida Menezes atropelou e matou Joeliton. Leonardo foi indiciado por homicídio doloso (quando se tem intenção de matar) e por outros crimes como dirigir sem possuir habilitação, afastar-se do local de acidente para fugir da responsabilidade penal e civil, omissão de socorro, além de dirigir sob efeito de bebida alcoólica ou outra substância que cause dependência. 

Já o Ministério Público ofereceu denúncia por homicídio culposo (quando não tem intenção de matar) de trânsito. O inquérito já foi concluído e remetido a vara crime da justiça em Jequié.

Segundo matéria no blog do radialista Júnior Mascote, o Relatório Policial, ficou constatado que o indiciado não possui nenhum apego ou respeito à vida humana, pois já tendo matado Joeliton, continuou bebendo em um bar, como se nada tivesse acontecido. Leonardo responde em liberdade e isso tem deixado parentes e amigos de Joeliton com a sensação de impunidade e querem que o caso seja julgado.