sábado, 12 de outubro de 2019

Vereadores da minoria visitam setor de transporte da Prefeitura de Jequié


A Polícia Rodoviária Federal apreendeu 3 ambulâncias de cidades da região durante a operação Asclépio (na mitologia grega e na mitologia romana, é o deus da medicina e da cura), que aconteceu em todo Brasil,  visando coibir irregularidades praticadas pelas prefeituras que deixam de pagar o licenciamento obrigatório e na maioria dos casos colocam pessoas sem nenhum preparo para dirigir esses veículos.
A operação aconteceu na quinta feira (10.out.2019) na Rodovia Santos Dumont, trecho de Jequié, onde foram apreendidas e retidas para regularização as ambulâncias das cidades de Manoel Vitorino, Itiruçu e Maiquinique. Em todos os casos os veículos estavam com o licenciamento atrasado e os motoristas não possuem o Curso Obrigatório para Veículos de Emergência.
As ambulâncias foram levadas para o pátio da empresa de guinchos e só serão liberadas após sanadas as irregularidades. A multa por dirigir no licenciamento é gravíssima, acúmulo de 7 pontos na carteira e custa R$ 293,47. A multa por dirigir sem o Curso Obrigatório para Veículos de Emergência é leve e cada motorista vai pagar R$ 88,00.
Diante desta situação, será que as ambulância que servem o TFD-Tratamento Fora de Domicilio em Jequié , estão em dia? Com a palavra o chefe de transporte da prefeitura Municipal de Jequié.
Na manhã desta última quarta feira, (10.out.2019) os vereadores da minoria visitaram a garagem da Prefeitura para acompanhar os serviços de manutenção dos veículos oficiais.
Os Edis foram recebidos pelo diretor de Transportes Irineu Ferreira, que apresentou os serviços. "Uma realidade positiva bem diferente do que encontramos na Gestão passada". disse um dos Edis da Minoria.