terça-feira, 17 de dezembro de 2019

ELEIÇÕES 2020: PT PROÍBE ALIANÇA COM DEM E BOLSONARISTAS NA BAHIA

Resolução aprovada pela Executiva do PT Bahia estabelece que candidaturas e tática eleitoral estarão alinhadas entre os Diretórios Municipais e Estadual do partido.



Em reunião nesta terça-feira (17), em Salvador, os membros da Executiva Estadual do PT na Bahia aprovaram calendário e diretrizes para a tática eleitoral do partido nas eleições municipais do ano que vem.
Segunda reunião da gestão sob o comando do novo presidente Éden Valadares, o PT vedou aliança com os partidários do Presidente Jair Bolsonaro (sem partido) e com o Democratas, do prefeito ACM Neto. “Nossa estratégia eleitoral não admitirá nenhuma aliança com o bolsonarismo e seu aliado local, o DEM, que deverão ser fragorosamente derrotados em 2020” comentou Éden.
Além disso, a Executiva decidiu acompanhar de perto os processos municipais, especialmente nas 50 maiores cidades do Estado, aprovando um calendário que prevê as definições sobre tática eleitoral, política de alianças e escolha de candidaturas somente após terminado o prazo de filiações, ou seja, depois de encerrada a chamada “janela eleitoral”.
Para Osmar Galdino, secretário de Organização do PT Bahia, essa decisão é natural, já que o partido governa o Estado há 13 anos e terá uma visão global sobre a disputa na Bahia. “Decisão acertada da nova direção, que busca assegurar o protagonismo petista e preservar a unidade de tática eleitoral do PT”, afirmou Jojó, como é conhecido o secretário.
De acordo com a resolução aprovada, “todos os municípios devem manter observância a este calendário”, bem como o diálogo com as direções estadual e nacional do PT.