quarta-feira, 15 de julho de 2020

Influence digital jequieense Laysa Fatel alcança 1,7 milhões de impressões no Instagram


A blogueirinha  jequieense Laysa Fatel tem feito o diferencial em Jequié. Grávida de 35 semanas tem trabalhado muito. Ela mostra em sua página Achados de Jequié uma  variedades de produtos de seus parceiros, dicas sobre culinária e conta tudo sobre a sua gravidez, desde a compra das roupinha para o baby  Benício, que é aguardado pelo casal e vários padrinhos virtuais que acompanha o canal no Instagram.
Sobre ser mãe em tempos de pandemia, ela conta como realiza a produção fotográfica feita em casa "Sozinha com um temporizador e uma ring light, sobrancelha sem fazer, sem maquiagem,  mas com um dedo de filtros e efeitos das amiga @haylareale , usando a decoração da casa como acessório e um amor sem limites dentro da barriguinha que cresce a cada dia! Ser mãe é algo inexplicável mesmo, agente se vira, se reinventa e no fim, tudo dá certo!”, assegura Laiza Fatel.

Laysa Fatel tem mais de 21 mil seguidores, boa parte de Jequié e tem conquistado sempre novos seguidores pelo seu jeito simpático e serio de trabalhar.

Em seus diálogos na página,  Laysa conta o seu dia a dia. “ Tentando expressar tudo que estou sentindo nessa semana gestacional: Com toda certeza a insegurança e o medo já fazem parte da rotina, mais o incrível é que ao mesmo tempo eu tenho a certeza que vou da o meu melhor, e me sinto forte por ele (meu babyBem), CONTRADITÓRIO NÉ ? Pois quem tem insegurança não tem certezas e quem tem medo na “maioria” das vezes não se sente forte. Agora eu tô aqui para dizer e confirmar que a maternidade não é o romance que vemos por aí, é confuso mais é uma delícia vivenciar tudo isso, até porque cada mulher vivência de uma forma diferente, então deduzir que na maternidade não existe regras, existe experiências (o que funciona para mim, as vezes não funciona para você). Enfimmmmmmm, tô vivendo um sonho acordada com vários chutinhos a noite, mais com a certeza de que o amor da minha vida estar por vim!”.

Nenhum comentário: