Prefeitura de Jequié contesta matéria de radialista sobre a escola Joana Angélica em Itajuru

Visite nosso Instagram

terça-feira, 20 de outubro de 2020

Presidente do assentamento Formosa Flor da Terra diz que trator pertence a associação


Presidente da Associação do Assentamento Formosa Flor da Terra Valmireno desmente boato que o trator  que pertencente a Associação foi dado pelo candidato a prefeito Zé Cocá. A maquina foi uma aquisição junto ao governo do estado, desde do dia 29.07.2020. Segundo o presidente o boato aconteceu depois de uma visita do candidato a prefeito de Jequié James Meira, no último domingo (18), quando houve o encontro das duas campanha política no distrito de Itajuru.

O prefeito Hassan Iossef que também foi citado pelos simpatizantes do candidato James Meira acusado de está usando a máquina pública para beneficiar o candidato a prefeito pelo (PP), Zé Cocá, emitiu uma Nota Pública: "O prefeito interino, Hassan Iossef, vem a público repudiar, veementemente, a manobra vil, de caráter eleitoreira, que tenta associar sua imagem à utilização da máquina pública para benefício de candidaturas eleitorais. Um grupo de pessoas, de maneira irresponsável, desleal e criminosa, promoveu a circulação de uma informação sabidamente mentirosa, ao afirmar que o prefeito interino estaria entregando um trator, em um ato de campanha eleitoral de um candidato à Prefeitura de Jequié, atribuindo ao prefeito interino a prática de crime eleitoral por uso indevido da máquina pública.

Em respeito à população de Jequié, é importante esclarecer que a entrega do trator foi feita em agosto, momento em que a administração pública municipal estava sob comando do prefeito afastado e que o prefeito interino, Hassan Iossef, sequer era prefeito, como apontado pelo vídeo com a fake news.

A entrega do trator foi uma iniciativa do Governo do Estado e não foi uma ação da administração municipal. 

O vídeo com a falsa acusação não faz nenhum sentido e, neste momento em que o município atravessa um período de recuperação da sua credibilidade, com diversas mudanças positivas no campo administrativo, não será admitida a criação de mentiras e calúnias para promoção de fatos políticos com escusos interesses políticos travestidos, falsamente, da bandeira de combate à corrupção.

Ao contrário do que afirma a acusação de uso indevido da máquina, o prefeito interino, Hassan Iossef, enxugou as contas do município, cortou despesas com salários, com combustível, com contratos de prestação de serviços e fornecimento de produtos, além de, também, como forma de evitar gastos, utilizar o próprio carro, sem motorista, para se deslocar nas ações institucionais.

Basta de falta de respeito com as pessoas! Basta da utilização leviana da imagem de pais de família respeitados, em politicagens baratas! Basta de, na falta de propostas viáveis e no esvaziamento completo de projetos, atacar quem faz e quem tem feito. O prefeito interino, Hassan Iossef, pela sua reconhecida integridade, exige respeito e espera que a verdade seja restabelecida, doa a quem doer", diz a nota.

Nenhum comentário: