Jequié: Inscrições para cursos gratuitos do Programa Desenvolve Jequié 0800 071 1710

Visite nosso Instagram

quarta-feira, 21 de abril de 2021

Zé Cocá tem reunião remota com o ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas




O prefeito de Jequié, Zé Cocá, participou, na tarde desta segunda-feira (19), de uma audiência remota com o ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas. O encontro foi intermediado pelos deputados federais Leur Lomanto Junior e Cacá Leão, que também participaram da audiência, e tratou sobre a recuperação do Anel Viário de Jequié e sobre a instalação de um porto seco da Ferrovia da Integração Oeste-Leste (FIOL), que recentemente teve o primeiro trecho arrematado pela empresa Bahia Mineração (BAMIN), que ficará responsável pela execução e reativação do projeto. O secretário municipal de Desenvolvimento Econômico, Celso Galvão, também esteve participando do encontro.

Os portos secos funcionam como terminais intermodais terrestres diretamente ligados por estrada e via férrea, ou até aérea, servindo como grandes armazéns de produtos e mercadorias, importadas ou destinadas à exportação. O prefeito, Zé Cocá, apresentou ao ministro a importância que Jequié tem, como ponto estratégico para a implantação de um porto seco, dada a sua estratégica localização geográfica, sendo um grande ponto de interligação da ferrovia com a BR-116 e com a BR-330, o que coloca o município em condições potenciais para instalação do porto seco.

O ministro se comprometeu em verificar como está o andamento do processo de federalização do Anel Viário de Jequié e, a partir disso, dar os encaminhamentos para a sua recuperação, e afirmou, também, que irá intermediar o diálogo entre a Prefeitura de Jequié com a empresa concessionária responsável pela FIOL.

”Entendo a importância econômica de Jequié e as várias qualidades que o município apresenta. A decisão de colocar um terminal e carga acaba sendo da concessionária. Concedemos a infraestrutura e a concessionária vai procurar pontos mais viáveis pra construção de terminais. Sem dúvida nenhuma é o projeto mais importante do ponto de vista do desenvolvimento econômico, de indução de atividade econômica no estado da Bahia. Me comprometo a marcar essa reunião entre a Prefeitura de Jequié com a concessionária, o mais rápido possível, para que a Prefeitura possa apresentar as facilidades, oportunidades, características do município e o que o município pode oferecer para a concessionária e vamos ver se é possível, então, que a concessionária consiga fazer o terminal aí, o que seria, aparentemente, na lógica, o que faria muito sentido.”, disse o ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas.

”Como sempre, nos propondo a buscar as alternativas que alavanquem avanços e traga progresso, novas indústrias e mais emprego para a população de Jequié. Aguardamos esse encontro com a Bamin e vamos dialogar, apresentando as qualidades, as vantagens e as características que fazem de Jequié, a melhor opção para a instalação de um porto seco da FIOL.”, afirmou o deputado federal, Leur Lomanto.

”Sabemos das grandes vantagens que o município de Jequié tem, entre elas a sua localização geográfica, que interliga a ferrovia com as BR-116 e 330, além de todas as outras qualidades que nos colocam à frente de outras cidades. Contando com o apoio do secretário de Desenvolvimento Econômico da Bahia, o vice-governador João Leão e com o trabalho dedicado dos deputados federais, Leur Lomanto e Cacá Leão, com fé em Deus, conseguiremos trazer este terminal pra Jequié.”, destacou o prefeito de Jequié, Zé Cocá.


Nenhum comentário: