quinta-feira, 16 de janeiro de 2020

Vereador Soldado Gilvan emite nota em apoio ao colegiado do Maria José e contra o fechamento





"Um verdadeiro absurdo essa decisão equivocada por parte da Secretaria Estadual de Educação, no que se refere ao fechamento do Colégio Estadual Maria José de Lima Silveira. As justificativa são de que o prédio seria repassado para o município de Jequié, para que a Secretaria Municipal de Educação o transformasse numa escola de ensino fundamental.

Ora, o município de Jequié teve de posse de  R$ 205 milhões de precatórios que poderia não só construir uma, como também duas ou mais escolas de ensino fundamental naquela localidade, e assim não o fez por pura irresponsabilidade e incompetência do gestor do município.

Agora, transferir para o município será uma atitude equivocada, onde a comunidade escolar em nenhum momento foi ouvida, onde os fatores culturais, ambientais e sócio econômico daquela comunidade não fora levada em consideração.

Cabe ao Governo do Estado por meio do secretario de educação reavaliar essa decisão, pois o equipamento público educacional precisa ser levado para perto das comunidades carentes e não retirados delas. Além do mais, fazer o que com mais de 600 estudantes que vivem naquele ambiente educacional? Fazer o que com os professores e com os Projetos importantes daquela unidade de ensino na área da ciência e tecnologia reconhecidos a nível nacional?

O mandato parlamentar do Vereador Soldado Gilvan além de repudiar essa decisão, decreta o seu total e irrestrito apoio aos estudantes, professores, trabalhadores e comunidade do Colégio Maria José", disse o vereador Soldado Gilvan