Prefeitura de Jequié contesta matéria de radialista sobre a escola Joana Angélica em Itajuru

Visite nosso Instagram

sábado, 25 de julho de 2020

Campanha Viva a Feira & Feira Segura é lançada durante Seminário Virtual Parceria Mais Forte


A Campanha Viva a Feira & Feira Segura, desenvolvida pela Secretaria de Desenvolvimento Rural (SDR), em parceria com a Federação da Agricultura e Pecuária do Estado da Bahia (FAEB), foi lançada, oficialmente, nesta sexta-feira (24), durante a segunda edição do Seminário Virtual Parceria Mais Forte, Juntos para Alimentar a Bahia. O evento, que segue até este sábado (25), com transmissão ao vivo pelo canal SDRBahia no Youtube, está sendo realizado em celebração ao Dia Internacional da Agricultura Familiar, 25 de julho, data instituída pelas Organização das Nações Unidas (ONU).


O governador do estado, Rui Costa, participou do lançamento e destacou que a agricultura familiar é quem produz a maior parte dos alimentos que chegam à mesa dos baianos e a feira livre é o espaço mais acessível para que o agricultor possa vender sua produção diretamente para o consumidor: “É importante que, nesse momento de pandemia, a gente consiga juntar esforços para manter o funcionamento das feiras, dentro de um padrão que garanta a segurança sanitária”.


A SDR, por meio da Campanha Viva Feira, irá distribuir 4 mil barracas e 20 mil Kits Feirantes, contendo máscaras de proteção, gorro, avental, frasco de álcool em gel e folheto que explica a ação e informa os cuidados que os feirantes devem ter ao participar das feiras livres. Já a FAEB, por meio do Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar), está garantindo aos feirantes treinamento, com os instrumentos e conhecimentos técnicos necessários à manutenção do funcionamento das feiras livres dos municípios.


O titular da SDR, Josias Gomes, explicou que a campanha Viva Feira, executada pela Companhia de Desenvolvimento e Ação Regional (CAR), com o financiamento do projeto Bahia Produtiva, se associou, estrategicamente, à campanha Feira Segura executada, pela FAEB, resultando na ação Viva Feira & Feira Segura: “Viva a Feira integra as estratégias da SDR para promover a retomada da economia baiana e essa parceria veio para somar. Nossa meta é atingir, pelo menos, 200 municípios em todo o estado”.


Para o presidente da FAEB, Humberto Miranda, as feiras livres precisam ser disciplinadas para que, neste momento de pandemia, se possa manter esse sistema de comercialização fundamental para a economia dos municípios: “Vamos entrar com a parte educacional, que é fundamental para que a gente possa mudar a consciência, pois a mudança comportamental é que dá a sustentabilidade a essas transformações”.


Adesão do município


São R$ 6 milhões de investimento para estimular a manutenção e adequação das feiras livres, feiras orgânicas ou feiras agroecológicas neste momento emergencial. A execução ocorrerá por meio de adesão do município, sendo prioritários os municípios que figurem nas primeiras 50 posições com maior incidência de contaminação por habitante, utilizando como fonte o Boletim Semanal Epidemiológico do Covid-19, elaborado pela Secretaria de Saúde do Estado (Sesab).


Para isso, as prefeituras municipais e os feirantes precisam adotar medidas como localização ou remanejamento do espaço físico da feira para local arejado e limpo, disposição das barracas com distância mínima de 3 metros entre elas, ordenação do público de forma a não haver aglomeração, disponibilização de pias com água encanada e sabão dentro do ambiente da feira, entre outras previstas no termo de adesão.


O diretor-presidente da CAR, Wilson Dias, lembra que a SDR pensou desde o início da pandemia em como fornecer suporte aos feirantes para que pudessem dar andamento às suas atividades: “Organizamos essa campanha que se baseia nesta oferta de ações ao município para que suas feiras sejam reordenadas. Estamos empenhados para que essa campanha seja intensificada em agosto e aguardamos também a adesão formal dos municípios”.


Um dos municípios já beneficiados pela ação é Santo Antônio de Jesus, no Recôncavo Baiano, que fará a reabertura da feira municipal neste sábado (25). Para isso, 100 feirantes foram capacitados pelo FAEB/Senar e a CAR/SDR entregou 100 barracas e 100 kits de proteção individual.


A programação do seminário contou também com a entrega do Selo de Identificação de Produtos da Agricultura Familiar (SIPAF Bahia), criado para identificar os produtos da agricultura familiar, garantindo a origem dos produtos. E para ampliar a prestação dos serviços de Assistência Técnica e Extensão Rural para agricultores e agricultoras familiares, a Superintendência Baiana de Assistência Técnica e Extensão Rural (Bahiater), firmou parceria com Consórcios Públicos.


O evento contou também com a participação do secretário estadual do Planejamento, Walter Pinheiro, do chefe de gabinete da SDR, Jeandro Ribeiro, e do presidente do consórcio do Baixo Sul (Ciapra) e prefeito de Igrapiúna, Leandro Luiz Ramos.


Mais programação


O Seminário Virtual Parceria Mais Forte, Juntos para Alimentar a Bahia continua neste sábado (25), às 9h, com um debate sobre o comércio virtual e as vendas delivery de produtos da agricultura familiar, além do lançamento do programa “Rural Produtivo” que estreia na TVE, no próximo sábado (1), às 14h, com reapresentações segunda (6h30) e quinta (20h). O programa apresentará a realidade da agricultura familiar a partir da produção e das técnicas utilizadas por agricultores familiares, comunidades de fundo e fecho de pasto, comunidades tradicionais e cooperativistas rurais.

Nenhum comentário: