Prefeitura de Jequié contesta matéria de radialista sobre a escola Joana Angélica em Itajuru

Visite nosso Instagram

quarta-feira, 29 de julho de 2020

VEREADORES BARRAM PRETENSÕES DO PREFEITO SÉRGIO DA GAMELEIRA DE EMPURRAR DÍVIDAS JUNTO AO IPREJ PARA 2021


Os vereadores decidiram barrar as pretensões do prefeito Sérgio da Gameleira de empurrar para 2021 em diante os parcelamentos da Prefeitura com o Instituto de Previdência – Iprej.  “Não nos resta alternativa senão derrubar esses dois artigos do Projeto de Lei, pois são maléficos para o Município”, justificou o vereador Soldado Gilvan ao criticar as alterações propostas pelo prefeito de Jequié, Sérgio da Gameleira, a Lei 1800 de 23 de dezembro de 2008 (Lei do Iprej).
Soldado Gilvan considera esdrúxulo o pedido de autorização da Câmara para suspender o recolhimento da contribuição patronal ao Regime Próprio de Previdência. “Ele [o prefeito], além de não querer fazer o recolhimento de março a dezembro de 2020 também teve a desfaçatez de solicitar a nossa autorização para a suspensão de parcelamentos firmados entre a Prefeitura e o Iprej nesse mesmo período de março a dezembro, querendo empurrar os pagamentos para 2021, o que nós não aceitamos e por isso mesmo esses dois artigos foram suprimidos”, explicou.
A Câmara, por sua vez, aprovou a contribuição previdenciária na razão de 14% sobre a remuneração de contribuição de caráter compulsório, pois segue o mesmo caminho do governo estadual.

Nenhum comentário: