Setembro Amarelo: Instituto Mãos oferece Plantão Psicológico gratuitos

Visite nosso Instagram

segunda-feira, 29 de março de 2021

Vereador Soldado Gilvan manifesta sua indignação no caso Wesley



[ Veja vídeo completo ] O Vereador Soldado Gilvan vem publicamente manifestar sua indignação com o desfeixo da ocorrência no dia de hoje (28) em que envolveu o Policial Militar SD PM Wesley na cidade de Salvador.
O "Grito" do referido policial, representa não somente uma manifestação psicótica, mas sim o sentimento que ecoa nos corações e mente de uma tropa que a cada dia adoeçe pelas péssimas condições de trabalho e salário ( 7 anos sem reajustes salariais), tendo os mesmos a se sujeitarem às mais diversas formas de opressão e humilhação dentro e fora da corporação.

O "Grito" do Soldado revela que não estamos bem e que esse adoecimento é provocado pelas próprias estruturas do Estado e a forma em que o Policial Militar-cidadão- trabalhador é tratado, o que vem causando sérios transtornos psicológico que se não forem corrigidos, trarão graves e irreversíveis prejuízos no futuro bem próximo.

O Estado precisa investir no homem-cidadão -policial e tratá- lo com base na Dignidade da Pessoa Humana, estabelecido na Constituição Federal, pois é assim que esse mesmo servidor/policial é obrigado a tratar o cidadão.

Exigimos respeito!!!

Nossa solidariedade aos familiares e amigos do Sd Wesley.

*Vereador Soldado Gilvan-*
Câmara Municipal de Jequié
Membro da Comissão de Direitos Humanos
Membro da Comissão de Justiça
Membro da Comissão de Saúde
Diretor APPM Jequié


Um comentário:

Moises s. Silva disse...

o soldado sulta atira pra todos os lados, inclusive em seus pares. e este vereador vem com este papo de que os pm estão á sete anos sem aumento de salarios. tudo hoje a desculpa e salario se ele se achava capacitado sai da corporação e vai em busca de algo melhor. têm pai de familia desempregado há mas de dois anos e nunca saiu atirando. infelizmente as doenças emocionais está ai. agora politicos ficar usando isto pra fezer politicagam e lamentável