Execução na Feirinha do Joaquim Romão soma 61 homicídios este ano, fazendo mais uma vítima da violência urbana em Jequié

Visite nosso Instagram

sábado, 16 de outubro de 2021

Sindicato dos professores em Jequié diz que não teve nada a comemorar no dia 15



A APLB-Sindicato de Jequié realizou uma caminhada  pelas principais ruas e avenidas de Jequié e ato público cultural em homenagem aos professores. "Na luta os professores também educam!".

 Segundo a presidente da entidade em Jequié Coroline Moraes, depois de um ano e meio dos professores municipais sem poder se reunir para protestar e se confraternizar, os professores se encontraram no dia 14/10 para defender a sua valorização profissional. Salientando ainda que no Dia dos Professores, 15 de outubro, a entidade e os professores de Jequié não tiveram nada a comemorar devida a falta de compromisso da prefeitura de Jequié com os profissionais. 

Segundo informações colhidas pelo Blog Zenilton Meira (BZM), vários professores estão numa lista para aposentar e a Prefeitura de Jequié não conclui o processo de aposentadoria. São profissionais que se dedicaram a vida pela educação e no momento que buscam os direitos de aposentadoria, precisam ficar em uma fila de espera, tem profissionais aguardando desde 2019. Além dos professores outros funcionários estão na mesma situação.

O Instituto de Previdência de Jequié IPREJ, está de mãos atadas, a decisão está nas mãos do prefeito Zé Cocá. 

A demora na aposentadoria segundo informações, alguns funcionários até cometeram atitudes severas. Os vereadores e principalmente a Câmara de Vereadores e as autoridades constituídas de Jequié precisam tomar providencias urgentes para cobrar do executivo agilidade neste caso. 




Nenhum comentário: