Joaquim Caíres quer marcação e agendamentos de exames e consultas por meio digital na rede de saúde

Publicidade

Governo do estado

terça-feira, 12 de julho de 2022

Bahia registra redução de 11,5% das mortes violentas no 1° semestre de 2022

Apoio: Em números absolutos, as ações policiais, com apoio dos Bombeiros, preservaram 340 vidas no comparativo. Foto: Alberto Maraux

Ações ostensivas e de inteligência das polícias Militar, Civil e Técnica, com o apoio do Corpo de Bombeiros, resultaram na redução de 11,5% das mortes violentas, no primeiro semestre de 2022. Em números absolutos foram preservadas 340 vidas no comparativo.

De janeiro a junho de 2022 foram registrados 2.618 casos, enquanto no mesmo período de 2021, a polícia contabilizou 2.958 ocorrências. 

Em Salvador a queda foi de 13,6% (618 casos em 2022 e 715 em 2021), na Região Metropolitana a redução foi de 3% (327 casos em 2022 e 337 em 2021) e no interior a polícia computou um descréscimo de 12,2% (1.673 casos em 2022 e 1.906 em 2021).

Avanços: Concursos, novas Delegacias e Batalhões, além da expansão do Sistema de Reconhecimento Facial para a RMS e interior, segundo o secretário da Segurança Pública, Ricardo Mandarino, ampliarão a margem de queda no segundo semestre.

"Estamos aumentando o efetivo, melhorando as condições de trabalho dos nossos policiais e bombeiros, além do avanço com a tecnologia por todo o estado", completou Mandarino.

Nenhum comentário: