Jequié: Vereadores de oposição não compareceram na sessão para tomar R$ 25 milhões de empréstimo do BB

Publicidade

segunda-feira, 18 de julho de 2022

Moradores do Flamboyant e Beta Ville cobram do prefeito Zé Cocá a realização das promessas

 

[ Veja vídeo do ato aqui] Uma justa reivindicação dos moradores dos loteamentos Flamboyant e Beta Ville em Jequié. Foi realizada na manhã deste domingo 17.07.2022, um protesto pelas principais ruas do Joaquim Romão, com o fechamento da Avenida Tote Lomanto, por um período para chamar a atenção dos políticos de Jequié e principalmente do prefeito Zé Cocá, que conhece de perto a situação de emergência daqueles moradores.

Em dezembro do ano passado, esta comunidade teve suas residências invadidas pelas águas furiosas do Rio Jequiezinho, que depois de mais de 30 anos, inundou várias ruas deste loteamento (Uma Àrea de Proteção Permanente APP, liberado pela prefeitura para loteamentos), que eles alegam que a área foi inundada por causa de uma obra realizada pela Prefeitura de Jequié na gestão do ex-prefeito Sergio Suzarte, de passagem entre o Condomínio São Paulo ao São Judas Tadeu, obra esta que foi retirada na época para escoar as águas que invadiram os loteamentos.

“O ato público, teve repercussão e os moradores aguardam uma iniciativa do prefeito Zé Cocá que depois que rompeu com o governo do Estado devido a janela partidária, não tem mais as condições financeiras para a realização das promessas feitas na época, quando ele mesmo veio aqui e ajudou vários moradores a tirarem moveis das casas invadidas pelas águas” salientou uma moradora que pediu para não citar o nome temendo represália.

"Os moradores precisam recorre a uma ação popular sobre o Plano Diretor Urbano que está no Ministério Público. Segundo informações, a prefeitura de Jequié autorizou a construção dos loteamentos em uma área inadequada e tem que ser responsabilizada por sua infraestrutura" salientou o advogado Abdi Jalili.

Estamos no inverno, os moradores dos loteamentos estão pensando nas chuvas das águas que acontecerão em meados de outubro para janeiro do ano que vem. Eles temem os índices pluviométricos que nos últimos anos estão acontecendo com mais intensidade.

 

2 comentários:

Gincana 2010 disse...

Estamos desde o dia 25 de dezembro esperando um posicionamento do Sr. prefeito e até agora nada. Não consigo acreditar que mesmo presenciando tudo que vivemos, nada tenha sido feito...
Queria deixar claro aqui que todos os moradores do loteamento tem toda a documentação da prefeitura com aval para construção e habitação naquele lugar, portanto, não estamos pedido nada que não nos cabe ao Sr. prefeito.
É desumano cruzar os braços mediante a um povo que perdeu suas casas, transportes e animais.

É REVOLTANTE!

Micheli0510 disse...

Ja chega de promessas,queremos ação por parte do prefeito.Cadê as verbas que foram destinadas aos atingidos da enchente?Até agora não tivemos nenhuma ajuda.
Franboyan e Beta Ville pede SOLUÇÃO JÀ