Vende-se um terreno 10x20 na Rua do CAIC, rua asfaltada. Uma ótima oportunidade! 73 98816 0375

Publicidade

sábado, 24 de dezembro de 2022

Ari Donato lança “Amados!”, poema em prosa que reverencia Guanambi

Ari Donato


O jornalista Ari Donato lançou seu terceiro livro, desta vez um poema em prosa intitulado “Amados!”, com 55 cantos que contam uma história de amor passada em Guanambi e região da Serra Geral. Os personagens são Amado e Amada, e os dois, em conversa, relembram fatos históricos e marcantes da cidade.

“Amados!” traz, a par da história do casal, entre os anos 1950 e 1960, relatos históricos, em uma narração biográfica, ao tempo que lembra os malefícios do processo de exploração e colonização à flora e à fauna na porção mediana do Rio São Francisco.

Sobre o livro, a escritora e poetisa Terezinha Teixeira Santos, da Academia Guanambiense de Letras, escreveu, no prefácio da edição, que “o escritor usou, no contexto do seu livro, ora textos, ora versos para enaltecer seu amor pela família e pela terra que lhe viu nascer, crescer”.
Foi escrito, a maior parte, na quarentena imposta pela pandemia da Covid-19. Tem as medidas 12 x 18 cm, respectivamente, de largura e de altura, e 118 páginas, impresso em Salvador, Interativa Design e Editorial, dezembro de 2022.

Os outros livros do autor são “Tropeiros, na trilha do amor”, uma novela que fala de tropeiros na região de Guanambi; e “A Criação, não a Criatura”, uma fábula com viés kardecista, em que animais e aves demonstram que possuem alma e inteligência.

Não será feito lançamento em sessão pública, a venda será direta ao consumidor, pelos Correios. O livro custa R$ 45,00, com o preço da postagem incluído. Contato com o autor pelo telefone (71) 99121-0762, com aplicativo WhatsApp.

Ari Donato nasceu em Guanambi, em 1953. É jornalista, escritor e aprendiz de poeta. Entre 1965 e 1971 estudou em Guanambi, onde concluiu o Curso Normal, diplomando-se professor primário. Em 1972 mudou-se para Salvador, e em 1978 concluiu o curso de Comunicação Social (Jornalismo), pela Universidade Federal da Bahia (UFBA).


Nenhum comentário: