Vende-se um terreno 10x20 na Rua do CAIC, rua asfaltada. Uma ótima oportunidade! 73 98816 0375

Publicidade

quinta-feira, 15 de dezembro de 2022

Jequié ocupa o terceiro lugar como a melhor cidade baiana para o setor da Indústria

Jequié

Apesar de matade da área destinada para o parque industrial ter sido  invadida, dando lugar ao bairro 
Agenor Aragão, as condições industriais de Jequié foram reconhecida.

Segundo informações, o município de Jequié foi destaque em um ranking elaborado pela consultoria Urban Systems e publicado no dia 7 de dezembro, com exclusividade, pela revista Exame. Para a lista, foram analisados municípios com mais de 100 mil habitantes, e em seis eixos econômicos: comércio, serviço, indústria, mercado imobiliário, educação e agropecuária. Entre as 100 cidades brasileiras classificadas como as melhores para fazer negócios, Jequié ocupa a posição 31ª na classificação nacional, relativa ao setor de Agropecuária, e está na 93ª classificação nacional no setor da Indústria, deixando para trás Barreiras, Campinas, Porto Alegre, Ribeiro Preto e Goiânia, que também aparecem na pesquisa.




De acordo com os dados, em relação à Bahia, Jequié ocupa o terceiro lugar como a melhor cidade baiana para o setor da Indústria, ficando atrás de Vitória da Conquista, Barreiras e Camaçari. Como está em uma privilegiada localização geográfica e é beneficiada por rodovias federais e estaduais, a cidade possibilita às indústrias uma eficiente estrutura viária para a logística operacional, com a ênfase de o município contar com um Distrito Industrial, resultando na classificação apontada no levantamento.

E está na terceira posição estadual no setor da Agropecuária, juntamente com Juazeiro e Eunápolis, 1ª e 2ª colocadas, respectivamente. A pesquisa é realizada anualmente e foi feita com informações referentes até outubro deste ano de 2022, tomando como base oito fatores: empregos no setor com média e alta remuneração; o crescimento da produção da lavoura permanente; a elevação da produtividade da lavoura permanente; o crescimento da produção da lavoura temporária; a produtividade da lavoura temporária; o crescimento da produção pecuária; e o crescimento das exportações e os empregos como um todo no setor.

Nenhum comentário: